Atitude & Saúde

Dentista recém-formado em tempos de pandemia: há luz no túnel

Crédito: Pixabay

Motivados pela conquista de mais uma etapa, após as festividades da formatura, e alguns até privados delas, os Odontólogos recém-formados se deparam com um cenário nunca visto antes: a pandemia.

Estes jovens promissores encontram-se envolvidos por um mix de sentimentos. Uma grande maioria tem perdido o sono. Se iniciarem as atividades da vida profissional já era algo que os preocupava, imagine agora.

Não estou trabalhando, e agora?

Se você não conseguiu trabalhar ainda, saiba que você não está sozinho. Mantenha o foco e busque trabalhar o equilíbrio de sua saúde mental. Use a internet para fazer alguns cursos gratuitos. Vídeos e workshops são bem-vindos também.

Independente da pandemia, a inserção no mercado de trabalho é uma fase que merece uma atenção especial, pois é nela que se inicia o estabelecimento de uma relação harmoniosa ou conflitante entre satisfação pessoal e carreira profissional.

O início em meio a incertezas

Para aqueles que conseguiram uma oportunidade de trabalho, um pouco mais de paciência, prudência e sensatez são imprescindíveis. Avalie as condições de trabalho oferecidas e, além disto, siga à risca os protocolos contra a COVID-19. Se proteja e faça a sua parte. Sugiro também uma revisão nas aulas de biossegurança e contaminação cruzada. Relembrar estes conteúdos pode ser de grande utilidade.

A responsabilidade profissional é algo que merece destaque, a partir do momento em que o cliente aceitou e concordou com o planejamento odontológico proposto. Faça aquilo que você tenha domínio da técnica e segurança para realizar. Não se sinta pressionado, não haja com imprudência e na dúvida, busque um colega para uma opinião ou direcionamento.

Especialização

É importante observar o mercado de trabalho e sua aptidão antes de decidir sobre qual curso especializar. Existem muitos recém formados que iniciam cursos de especialização logo que formam e abandonam os mesmos antes de concluir, perdendo tempo e dinheiro. Mantenha a calma, sinta o mercado profissional e trabalhe a ansiedade. Caso tenha dúvida em qual curso fazer, busque fazer networking com colegas mais experientes e trocar informações.

Este modelo de tensão emocional, vivenciado na sua nova rotina, mostra que o recém formado tem necessidade de um norteamento de suas escolhas. Observa-se que há uma grande maioria de jovens que não têm a mínima ideia de como tomar suas decisões e quais as consequências são causadas pela falta de orientação. Saber quais são os compromissos tributários obrigatórios e porque são pagos, são fundamentais para a trajetória da carreira profissional de um jovem iniciante. Suas escolhas assertivas dependem de orientação, então, para muitos recém formados, uma consultoria com um especialista pode ser muito eficaz.

A fase de pandemia logo passará, sejamos otimistas. Honre o seu CRO. Construir uma carreira de sucesso não é algo feito da noite para o dia. Estabelecer conexões e lidar com persistência, sabedoria, ética, técnica, honestidade e respeito, são alguns dos pilares para a execução de uma carreira assertiva na odontologia.

Boa Sorte!

Cristiano Trindade / Dentista – MBA em gestão de pessoas e negócios

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.