Atitude & Saúde

Saúde Plena: como atingir esse alvo

Crédito: Pixabay

Você já sabe dos inúmeros benefícios que a prática de atividade física proporciona e, mesmo assim, acaba não tendo regularidade?

Começa, e pouco tempo depois está de volta à vida sedentária?

Há dias que a preguiça quer te dominar, mas é preciso ser mais forte que isso: reagir, fazer o que precisa ser feito e lembrar-se da decisão que tomou para sua vida: ter hábitos saudáveis.

É necessário deixar a atividade física fazer parte da sua rotina diária, mesmo que no início não sinta prazer. Com o tempo, seu olhar vai mudar e será perceptível a mudança, a importância, e a aquisição da qualidade de vida.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, é recomendável a prática de 150 minutos semanais de atividade física leve ou moderada, ou pelo menos 75 minutos de atividade de maior intensidade por semana.

Este tempo recomendado é essencial para que se alcancem todos os resultados que a atividade física proporciona, além da adaptação aos estímulos do exercício, carga de treinamento, adaptações fisiológicas e seus benefícios.

Mas vamos lá, com todas essas informações você ainda fica se perguntando, como irá conseguir ter essa constância, se nem prazer tem em fazer exercício físico

Você possui, da mesma forma que outras pessoas, propósitos de vida que o fazem criar metas e objetivos para alcançar.

É preciso definir de forma clara seus objetivos, sendo bem honesto e realista com a sua realidade e possibilidade.

Estabeleça metas atingíveis, dividindo em curto, médio e longo prazo. Acompanhe esse planejamento e verifique se está fazendo aquilo que realmente traçou e, se necessário, ajuste ou continue seguindo em frente.

Estabelecendo Metas: não sabe por onde começar?

Segue um exemplo:

– CURTO: Não tomar refrigerante e realizar atividade física duas vezes na semana no primeiro mês.

– MÉDIO: Fazer atividade física regularmente durante três meses ininterruptos.

– LONGO: Melhorar o % de gordura em x%.

Em seguida, busque uma atividade física que goste ou que desperte um interesse em você. Existem inúmeras modalidades esportivas e fazer aquela com a qual nos identificamos ajuda na força de vontade e constância da prática.

Organize sua agenda, defina seus dias e horários, crie o compromisso, adapte sua rotina diária incluindo a atividade física para conciliar sua vida de trabalho, família, vida social, pessoal e outras situações do cotidiano.

Pode até parecer besteira, mas preparar seu material e roupa de treino no dia anterior vai te ajudar a vencer a preguiça e criar um estímulo a mais.

Convide um familiar ou amigo para praticar atividade física com você. Esta atitude também vai ajudar na motivação, criando a responsabilidade com o outro para não faltar.

Procure profissionais qualificados para te ajudar no processo, pois ele é a ponte que te liga ao resultado.

Lembre-se: “Nós somos aquilo que fazemos repetidas vezes, repetidamente. A excelência, portanto não é um feito, mais um hábito.” (Aristóteles)

GUILHERME DA MATA – Profissional de Educação Física

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.